Vai criar o aplicativo de delivery do seu restaurante? Considere esses 7 pontos

O que o marketing de rua pode ajudar no meu delivery?
30 de abril de 2019
Qual é a tendência do delivery online no cenário atual?
7 de maio de 2019

No cenário atual em que uma grande parte da população está conectada, nada melhor do que está onde seu público está, e criar o aplicativo de delivery do seu restaurante é justamente seguir essa estratégia.

Se ainda considerar a população mais jovem, todos buscam meios de facilitar seu dia a dia, e um desses métodos é usar a internet para tornar o dia fácil. Então, considere um passo a frente dos seus concorrentes, quando você se preocupa com esse ponto.

Para você que está pensando em criar um aplicativo para seu negócio, é mais do que importante considerar os pontos abaixo ao contratar uma empresa de software.

Continue lendo!

 

1. Tamanho do aplicativo

Apesar do avanço da tecnologia e com celulares cada vez mais modernos, ainda tem muitas pessoas que usam celulares com pouca memória e com versões de Android e IOS desatualizadas.

Então, se a plataforma online de delivery tiver um tamanho considerado alto, é bem provável que seu público não queira baixá-lo. O ideal é que o app tenha até 10Mb. Assim ele não ocupará tanto espaço no celular do seu cliente.

 

2. Visual

As pessoas não só compram com os olhos, como adoram ferramentas que tem um design moderno e elegante. A plataforma de pedidos online pode até ser funcional, mas se não tiver um visual bonito, isso afetará a usabilidade dos clientes.

Então, se for criar o app do zero, peça para o desenvolvedor mandar o layout que será utilizado para você analisar antes da criação, ou se for contratar uma empresa especializada em app de delivery, verifique os layouts utilizados pela mesma, para que seja do seu agrado.

 

3. Usabilidade

Para que o cliente realmente use seu aplicativo, é mais do que importante que ele seja simples e prático, ou seja, ele precisa resolver uma dor de forma rápida.

Imagine o seguinte, as pessoas reclamam que pedir pelo telefone ou WhatsApp é demorado, pois ou a loja demora para responder ou o próprio cliente, se você quer dar liberdade para o cliente pedir por conta própria, o seu aplicativo tem que deixar o cliente fazer um pedido em menos de 3 minutos, já que por outros canais, ele gasta de 10 a 30.

 

4. Velocidade

Estamos na era em que a informação chega na velocidade da luz, então, se o app trava ou demora para abrir ou para fechar um pedido, seu cliente não irá finalizar o pedido, ou talvez finaliza e nunca mais volta.

A tecnologia usada para criar o aplicativo de delivery precisa ser leve, para que isso não interfira na performance do produto.

Busque empresas que criam o app considerando a performance do mesmo.

 

5. Comunicação com o cliente

Apesar do avanço tecnológico, pense o seguinte, pessoas precisam de pessoas, não estreite a relação com o cliente, mantenha sempre contato com ele, justamente para que ele saiba que existem pessoas ali para atendê-lo.

Através do sistema de delivery, considere aplicativos que tenham a  funcionalidade de mensagens push, que, nada mais é, do que, poder se comunicar com os clientes que baixaram seu aplicativo através das mensagens.

 

6. Custo/Benefício

Não adianta ter um custo para criar o aplicativo de delivery, sendo que o benefício que ele gera é quase nulo. O custo do app precisa ser menos de 10% do que você irá faturar por ele para valer a pena.

Hoje, você tem a possibilidade de criar sua plataforma para delivery de duas formas: contratar uma empresa para criar a solução do zero com tudo o que sabe que precisa ter, investindo nesse caso, um valor mais alto (Geralmente acima de 20 mil reais) e demorando em torno de 6 meses para receber o app, ou contratar uma empresa que tem modelo pronto, cria seu app em menos de 30 dias e você investe um valor mensal para ter a licença de uso do aplicativo.

O Delivre trabalha com a segunda opção, confira aqui alguns dos aplicativos criados. O Delivre faz o app do seu restaurante, e entrega em menos de 30 dias, e você não paga taxas sobre pedidos.

 

7. Acompanhamento de resultados

Ao criar o aplicativo de delivery, ele precisa ter um sistema de backoffice por trás, tanto para você gerenciar os pedidos recebidos, quanto para avaliar e acompanhar os resultados gerados por ele através de relatórios ou gráficos.

Isso, para que você possa tomar ações para melhorar ainda mais os resultados do seu app, ou verificar o que precisa modificar para ter resultados mais satisfatórios pela solução.

É preciso avaliar todos esses pontos listados ao criar o aplicativo de delivery do seu restaurante, lanchonete, hamburgueria e/ou pizzaria, pois, caso contrário, você poderá não ter os resultados que deseja com essa solução.

Ficou alguma dúvida? Deixe nos comentários abaixo, faremos o possível para responder.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Área de Cliente